Title Image

Blog

Suiá Burger Ferlauto | Eu só tinha o título, agora não tenho nada | Mostra Informal | Forum Dança

Eu só tinha o título,
agora não tenho nada

Suiá Burger Ferlauto (BR)

Espaço da Penha | 30 de Junho | 18h30

 

Duração 40 min

SÓ POR RESERVA!
A entrada é livre, mas porque a lotação é reduzida, só é possível assistir fazendo reserva prévia.
Para reservar basta enviar o seu pedido para o nosso email.

Sinopse

Partilha da residência artística, realizada no mês de junho de 2021 no estúdio do Forum Dança, ou o subdesenvolvimento da conferência-performance “Eu só tinha o titulo, agora não tenho nada”, apresentada na mostra do PACAP4.

 

Ficha Técnica

Concepção e performance Suiá Burger Ferlauto
Interlocução Alina Folini e Elisa Band

 

Biografia

Suiá Burger Ferlauto é artista, performer e educadora. Nos 20 últimos anos tem se dedicado à práticas e colaborações no campo das artes visuais e performativas. E agora gostaria de ir a algum lugar que não sabe qual é.

 

Agradecimentos

Ao Forum Dança.

 

Créditos Imagem Vitorino Coragem

Informações e Reservas

›› Devido à situação actual e seguindo as directivas da DGS, a lotação para estas apresentações é reduzida e limitada a 1/3 da capacidade habitual dos nossos espaços;
›› O pedido de reserva é feito para o email forumdanca@forumdanca.pt;
›› Faça a sua reserva até 24 horas antes do início da mostra;
›› Máximo de 2 bilhetes por reserva;
›› No dia das apresentações deverão trazer a sua própria máscara e/ou viseira;
›› Deverão cumprir com as normas do distanciamento social, assim como a etiqueta respiratória;
›› Agradecemos que compareça porque, dada a lotação reduzida dos espaços, ao não comparecer estará a tirar o lugar a outra pessoa que gostaria de estar igualmente presente.
Agradecemos a compreensão.

Forum Dança - A Minha História da Dança, por António Pinto Ribeiro

A Minha
História da Dança

António Pinto Ribeiro

1 de Julho, às 18h30, Biblioteca de Alcântara
Duração aproximada: 2 horas

Entrada livre, mediante inscrição prévia para o seguinte formulário: http://bit.ly/amhd-apr

Biografia

António Pinto Ribeiro
Com formação em Filosofia e doutoramento em Estudos de Cultura, a sua actividade profissional reparte-se entre a programação cultural e a investigação. Iniciou o seu trabalho ensaístico na área das “Artes do Corpo” na Escola Superior de Dança, a que se seguiu as funções de assistente de programação no ACARTE. Foi crítico de dança no Expresso, colaborador do Forum Dança e foi, desde a sua fundação, o director artístico da Culturgest (1993-2004) e director de programas na Fundação Calouste Gulbenkian (2004-2015) dos quais destaca o Programa Gulbenkian Próximo Futuro dedicado às artes e às culturas do sul global. Curador responsável por várias exposições internacionais, foi também o comissário-geral de “Lisboa Capital Ibero-Americana da Cultura 2017”. Actualmente é investigador do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, integrando a equipa do projecto ERC “MEMOIRS – Filhos de Império e Pós-Memórias Europeias” e é programador internacional. Tem dezenas de artigos publicados e dezasseis livros, entre os quais destaca: “A dança da idade do cinema”, “Dança temporariamente contemporânea”, “História da dança em Portugal” (c/ José Sasportes), “Corpo a Corpo, possibilidades e limites da crítica”. A sua última publicação tem por título “Peut-on Décolonizer les musées?” (2019).

Sobre o ciclo de palestras “A minha História da Dança”

 

“Todos nós, bailarinos, coreógrafos ou performers, recebemos de alguma maneira e por alguma via, mais académica ou mais autodidacta, uma ideia da História da Dança, ou da História das Artes Performativas, da qual nos sentimos “descendentes” (e talvez nos sintamos descendentes de várias Histórias ao mesmo tempo!). Houve certamente criadores coreográficos ou cénicos que nos fizeram entender a arte que fazemos da forma como a entendemos hoje. Cada um tem uma ideia específica de como essa História se desenrolou, e para cada um há determinados criadores e determinados movimentos e correntes artísticas que contribuíram para configurar a ideia de dança que tem e pratica e que, de alguma forma, está respondendo a essa História. Estas palestras dar‐nos‐ão a oportunidade de conhecer a História da Dança que cada um criou dentro de si”. – Vera Mantero

 

Participaram em “A Minha História da Dança”
Ana Borralho & João Galante, André Lepecki, Christine de Smedt, Clara Andermatt, Gil Mendo, Gustavo Ciríaco, Francisco Camacho, Jennifer Lacey, Jeroen Peeters, João Fiadeiro, Joclécio Azevedo, La Ribot, Lia Rodrigues, Lisa Nelson, Loïc Touzé, Madalena Victorino, Marcela Levi, Mark Tompkins, Meg Stuart, Miguel Pereira, Nadia Lauro, Olga Roriz, Panaibra Gabriel Canda, Rui Horta, Sofia Dias & Vitor Roriz, Sónia Baptista, Vânia Rovisco, Vera Mantero, Xavier Le Roy.

 

O ciclo de palestras “A Minha História da Dança” é um projecto desenvolvido pelo Forum Dança e O Rumo do Fumo, estruturas financiadas pela República Portuguesa – Cultura / Direcção-Geral das Artes.
Projecto com apoio do contrato-programa com a Câmara Municipal de Lisboa / Direcção Municipal da Cultura / Divisão da Rede de Bibliotecas, e co-financiado pelo Garantir Cultura, Compete 2020, Portugal 2020 e União Europeia através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional – FEDER.

Estamos a recrutar!

Estamos a contratar!

O Forum Dança procura colaborador/a para integrar a sua equipa

! NOVA DATA !
PRAZO LIMITE

Candidaturas até dia 15 de Junho, mediante envio de curriculum vitae, exposição sobre os interesses profissionais e expectativas em relação ao trabalho que virá a desenvolver (1 pág. A4).

Será feita uma pré-selecção por análise curricular, a selecção do/a candidato/a decorrerá por entrevista em data a agendar.

 

PRÉ-REQUISITOS

  • Formação de nível superior;
  • Bons conhecimentos de informática na óptica do utilizador;
  • Boas capacidades de relacionamento interpessoal;
  • Gosto e capacidade de trabalhar em equipa;
  • Bom nível de português e inglês falado e escrito;
  • Interesse pela área cultural, designadamente pelas artes do espectáculo.

 

PARA DESEMPENHAR FUNÇÕES NAS ÁREAS DE

  • Atendimento ao público/alunos;
  • Secretariado e acompanhamento das actividades do Forum Dança (cursos, aulas, workshops, seminários);
  • Gestão e apoio administrativo do espaço;
  • Apoio de produção.

 

CONDIÇÕES E HORÁRIO DE TRABALHO

Contrato de trabalho com início em Julho 2021.

De segunda a sexta-feira:

  • 10h-18h  de Julho a Setembro 2021
  • 12h-20h  a partir de Outubro 2021

 

ENVIO DE CANDIDATURAS ATÉ DIA 15 JUNHO 2021

Para o email forumdanca@forumdanca.pt

 

MAIS INFORMAÇÕES
forumdanca@forumdanca.pt

Forum Dança | Mensagem do Dia Mundial da Dança 2021, por Friedemann Vogel, Alemanha © Foto Roman Novitzky

Dia Mundial da Dança 2021

Mensagem para o Dia Mundial da Dança 2021
por Friedemann Vogel, Alemanha

“Tudo começa com o movimento – um instinto que todos temos – e a dança é um movimento refinado para comunicar. Por mais que uma técnica perfeita seja importante e impressionante, em última análise, é o que o dançarino expressa dentro do movimento que é a essência.

 

Como bailarinos, estamos em constante movimento, aspiramos a criar esses momentos inesquecíveis. Independentemente do género de dança, é o que todo o bailarino se esforça para alcançar. Então, quando, de repente, não temos mais permissão para nos apresentar, com os teatros fechados e os festivais cancelados, nossos mundos param. Nenhum contacto físico. Sem apresentações. Sem público. Nunca na história recente a comunidade da dança foi tão desafiada colectivamente a manter-se motivada, a encontrar a sua razão de ser.

 

No entanto, é precisamente quando algo de precioso nos é tirado que realmente apreciamos o quão vital é o que fazemos e o quanto a dança significa para a sociedade em geral. Frequentemente os bailarinos são celebrados pela sua destreza física quando, na verdade, nos sustentamos mais pela nossa força mental. Acredito que é esta combinação única de agilidade física e psicológica que nos ajudará a superar, a reinventarmo-nos para continuar a dançar e a inspirar.

 

/ Friedemann Vogel, Alemanha, Bailarino Principal

 

Para saber mais sobre Friedemann Vogel website.

 

Mensagem original em inglês aqui.

 

© Foto Roman Novitzky

Candidatura para bolsa de estudo

Não saber juntos

Com curadoria de João Fiadeiro em colaboração com Márcia Lança, Carolina Campos e Daniel Pizamiglio.

Bloco I – Estudo, experimentação e prática da Composição em Tempo Real
13 de Setembro a 11 de Dezembro 2021

 

Artistas e intervenientes convidados Lisa Nelson (USA) e Romain Emma-Rose Bigé (FR)

 

O Forum Dança abre candidaturas a uma bolsa de estudo para o primeiro bloco do programa PACAP 5 dedicado ao estudo, experimentação e prática da Composição em Tempo Real, com a duração de três meses.

 

Esta bolsa é dirigida exclusivamente a artistas negras/os residentes em Portugal.

Forum Dança | PACAP 5 - João Fiadeiro
João Fiadeiro © Ana Viotti

Informações

Seleccione cada uma das secções abaixo para tomar conhecimento de todas as especificações do programa e dos processos de candidatura e selecção de candidatos.

Público-alvo

Curso aberto a bailarinos, coreógrafos, performers e outros artistas com práticas ligadas à performance, ao corpo e ao movimento. Os candidatos devem posicionar-se enquanto pares e não enquanto alunos e entender a criação artística como um espaço de investigação através da arte, ou seja, enquanto plataforma para explorar e experimentar processos de relação, de colaboração e de decisão num ambiente que não faz diferença entre teoria e prática, que promove a permeabilidade entre disciplinas e que olha para a obra de arte enquanto consequência de um processo e não como o seu fim.

Notas

  1. A língua do curso será inglesa e portuguesa, dependendo de quem está a orientar a sessão e das necessidades de cada momento.
  2. Serão atribuídas bolsas a 3 participantes, após a aceitação no programa, que possam assegurar a tradução simultânea para pequenos grupos. A bolsa consiste na redução de 50% da propina total.

Cronologia do programa

Bloco I

Estudo, experimentação e prática da Composição em Tempo Real
13 de Setembro a 11 de Dezembro 2021

Artistas e intervenientes convidados

Bloco I

Lisa Nelson (USA), Romain Emma-Rose Bigé (FR).

Processo de candidaturas

A submissão de candidaturas processa-se única e exclusivamente através de formulário disponível mais abaixo. As candidaturas serão aceites em português ou inglês e deverão incluir:

 

  • Carta ou vídeo de motivação onde o/a candidato/a expressa as razões pelas quais se candidata (max. 1 pág. A4, em formato .pdf ou um vídeo com máx. de 3m – no caso de enviar vídeo, deve submeter link onde o mesmo possa ser visualizado)
  • CV com fotografia e nota biográfica incluída (max. 2 pág. A4, em formato .pdf – não exceder 1MB)
  • Link para Portfólio documentando trabalhos do/a candidato/a com textos, imagens e links para registos vídeo (max. 10 pág. A4, em formato .pdf)
  • Indicação do contacto de 2 figuras com quem o/a candidato/a se tenha relacionado (professor/a, colaborador/a, curador/a/programador/a, etc.) que poderão ser contactados para que possamos ter uma perspectiva externa do perfil do/a candidato/a.
  • Indicação expressa dos blocos que tenciona frequentar (I, I+II ou I+II+III). Só é possível frequentar o segundo e terceiro blocos tendo frequentado os blocos anteriores.

 

! NOTA IMPORTANTE !

Pedimos que não enviem, com as vossas candidaturas, links dos vossos trabalhos em forma de download de ficheiros. Os links devem estar apenas disponíveis para visualização dos ficheiros online. Apenas aceitamos como ficheiro para download o vosso CV e a vossa carta de apresentação, tudo o resto deve ser de acesso livre e on-line.

Processo de selecção

Bloco I (3 meses)

  • Duração: 13 Setembro a 11 Dezembro 2021
  • Data limite candidatura: 16.04.2021
  • Datas das fases de selecção:
    • 26.04.2021 ›› Comunicação aos candidatos pré-seleccionados
    • 03 a 07.05.2021 ›› Workshop on-line
    • 10 a 14 ›› Entrevistas individuais
    • 17.05.2021 ›› Comunicação de resultados

Nota

  1. Serão agendadas entrevistas individuais on-line com a direcção do Forum Dança em data a definir.

Propinas

Bloco I (3 meses)

  • Taxa de Inscrição: 100 € até 1 semana após a admissão no curso.
  • Mensalidades: 300 € x 3 meses

Notas

  1. As mensalidades deverão ser pagas até dia 30 do mês anterior, sendo o primeiro pagamento feito até 30 de Agosto.
  2. Se o curso for pago na sua totalidade, até dia 30 de Agosto de 2021, terá um desconto de 10%.
  3. Serão atribuídas bolsas a 3 participantes, após a aceitação no programa, que possam assegurar a tradução simultânea para pequenos grupos. A bolsa consiste na redução de 50% da propina total.

Horários

De Segunda a Sexta-feira das 10h00 às 17h00.

Sinopse

Seleccione a secção abaixo para tomar conhecimento da sinopse para o Bloco I.

Bloco I. Estudo, experimentação e prática da Composição em Tempo Real

A proposta neste bloco será mergulhar, de forma intensa (e extensa), na investigação, experimentação e aplicação da ferramenta Composição em Tempo Real (CTR), uma prática (teórica) e uma teoria (prática) que se oferece enquanto “campo” (lugar, território), que tem como única razão de existir, acolher e hospedar as forças que estão em jogo a cada instante, naquilo a que convencionamos chamar de “presente”. No interior desse presente e na perspectiva da Composição em Tempo Real, movimenta-se um tempo expandido, simultaneamente “não mais” e “ainda não”. Um tempo não-linear, vivido como uma fita de Möbius, onde o interior e o exterior, o antes e o depois, a forma e a força, se misturam e se confundem.

 

Antes de quaisquer apresentações ou introduções, a primeira semana do curso começará com uma performance colectiva com os 24 intervenientes inscritos no curso intitulada “O que fazer daqui para trás”_versão expandida. Esta será a forma de nos apresentarmos: via acção, através das marcas que deixamos com as nossas posições. Só na segunda semana, o grupo terá tempo para se conhecer melhor e partilhar com os outros os seus percursos individuais.

 

Durante toda a duração do bloco João Fiadeiro será acompanhado por Márcia Lança e Daniel Pizamiglio, respectivamente com 15 e 10 anos de prática intensiva de Composição em Tempo Real. Iremos ainda contar com a presença continuada da “trabalhadora-do-texto” Romain / Emma Bigé, filósofa e dançarina trans*feminista francesa, com quem João Fiadeiro já colaborou inúmeras vezes (nomeadamente na co-curadoria da exposição “Esquissos de Técnicas Interiores”, em torno do legado e obra de Steve Paxton) e que organizará seminários semanais que situam as práticas experimentais da Composição em Tempo Real em relação (nas suas próprias palavras) “à capacidade da dança para celebrar formas inusitadas e raras de ternura entre humanos e outras criaturas da Terra. Ela oferecerá Práticas Textuais, incluindo: “Sexy Library” (porque ler é sexy), “Blind Book Club”, “Conceptual Speed Dating” e outras maravilhas para pensar com textos e contornar o córtex”. Teremos ainda a presença da coreógrafa e improvisadora Lisa Nelson que dirigirá um workshop de duas semanas em torno da sua investigação Tuning Scores. Entre os pares de João Fiadeiro que se ocupam com as questões do pensar-operar a decisão e a performance, Lisa é com quem tem mais afinidades e um enorme respeito. A sua presença servirá não só para partilhar com os participantes  o pensamento absolutamente singular desta artista americana, como para colocar  em relação duas ferramentas de composição e improvisação  com inúmeros pontos de contacto.

 

Este bloco irá culminar com duas semanas dedicadas ao estudo, experimentação e reenactment da performance EXISTÊNCIA no Teatro do Bairro Alto em Lisboa, parceiro estratégico e co-produtor do PACAP 5. O EXISTÊNCIA foi um projecto de João Fiadeiro que estreou no Centro Georges Pompidou em Paris em 2002 onde se praticou Composição em Tempo Real ao vivo, colocando os performers e público num lugar de experiência radical com o presente e com a ideia de não-saber juntos. A experiência do EXISTÊNCIA foi estruturante na sistematização e processamento da ferramenta CTR e influenciou de forma profunda dezenas de coreógrafos, performers e artistas que passaram por esta experiência. O artista plástico Walter Lauterer e o músico Arnold Noid (que se encarregaram respectivamente da composição em tempo real do espaço e do som), estarão presentes em Lisboa para as apresentações públicas com os participantes do curso.

Formulário de candidaturas

Apoios e Parcerias

Coprodução PACAP 5: TBA – Teatro do Bairro Alto

Apoios PACAP 5: O Rumo do Fumo, Alkantara, OPART | Estúdios Victor Córdon, O Espaço do Tempo, Fundação GDA

Forum Dança | Apoios PACAP 5
Forum Dança - Cartografias #4 - Para Além dos Textos do Corpo

Cartografias #4

Para além dos textos do corpo

Ciclo de apresentações

Cartografias #4 desenvolve-se tendo como conceito atractor o texto escrito enquanto massa potencial para além dos textos do corpo. O pretexto foi o de convocar trabalhos de artistas com inscrição numa matriz identitária de visão coreográfica e que se apoiam na produção dramatúrgica, ou literária, recuperando ou traçando novas propostas cénicas que se constroem ou desconstroem através de uma linha tríplice entre o som, a palavra, o sentido.

O programa remete para a recuperação de obras produzidas nas últimas duas décadas, em revisitação nos casos de João Fiadeiro, Lígia Soares e Maurícia Barreira Neves. Outras criações, em estreia ou ainda em processo continuado, têm como fontes a literatura e a poesia em língua portuguesa – “Enquanto tento fundir-me” de Maria Varbanova e “Diálogos Concretos com Salette Tavares” de Daniel Pizamiglio – ou os ensaios em torno de uma dramaturgia colectiva nas propostas de Filipa Duarte e, ainda, de Carolina Campos e Márcia Lança as quais partem de narrativas de subjectividade enquanto dispositivo de resistência a um confinamento declarado.

Dando expressão a este desejo de resistência, a última semana desta mostra incorpora os eventos de Sónia Baptista e de Vânia Rovisco programados inicialmente para Dezembro do último ano como desfecho da edição Cartografias#3.

Esperamos que este programa seja um facilitador de ressonâncias entre corpos e ideias, entre sons e sentidos, e que proporcione reuniões e encontros felizes entre a nossa comunidade, trazendo-nos de volta o prazer da descoberta que é capaz de anular a exaustão.

 

Ezequiel Santos, curadoria Cartografias

PROGRAMA

29 / 30 ABRIL (ESGOTADO)

19h00
DANIEL PIZAMIGLIO
Diálogos Concretos com Salette Tavares
Performance (60′) | M/12
Sinopse ››

20h15
JOÃO FIADEIRO
I Was Here
Conferência-performance (50′) | M/6
Sinopse ››

6/7 MAIO

19h00
LÍGIA SOARES
Às Origens da Crise
Performance (50′) | M/12
Sinopse ››

20h15
LÍGIA SOARES
Ar ao Vento
Conferência-performance (25′) | M/12
Sinopse ››

13/14 MAIO (ESGOTADO)

19h00
MAURÍCIA|NEVES
This is not for sale e é um manifesto!
Performance (37′) | M/16 | Falado em inglês
Sinopse ››

20h15
MARIA VARBANOVA
Enquanto tento fundir-me
Dança (45′) | M/6
Sinopse ››

20 (ESGOTADO) /21 MAIO

19h00
CAROLINA CAMPOS & MÁRCIA LANÇA
Outro Lado é um Dia
Performance (50′) | M/16
Sinopse ››

20h15
FILIPA DUARTE
Bleak
Dança/performance (50′) | M/16
Sinopse ››

27 (ESGOTADO) /28 MAIO

19h00
SÓNIA BAPTISTA
E Hoje, é um Esquilo?
Conferência-performance (30′) | M/6
Sinopse ››

19h30
VÂNIA ROVISCO
Sem Título (####)
Performance-instalação (60′) | M/6
Sinopse ››

CARTOGRAFIAS #4
Para além dos textos do corpo

Ciclo de Apresentações

INFORMAÇÕES E RESERVAS

  • Devido à situação actual e seguindo as directivas da DGS, a lotação para estas apresentações é reduzida e limitada a 1/3 da capacidade habitual dos nossos espaços;
  • Pode reservar isoladamente para cada apresentação, ou reservar o programa inteiro em cada dia;
  • Bilheteira: 3 € uma apresentação / 5 € duas apresentações, no mesmo dia;
  • O pedido de reserva é feito para o email forumdanca@forumdanca.pt;
  • Terá de indicar nesse email quais os dias e espectáculos que pretende assistir;
  • Faça a sua reserva até 48 horas antes do início de cada apresentação;
  • Máximo de 2 bilhetes por reserva;
  • No dia das apresentações deverão trazer a sua própria máscara e/ou viseira;
  • Deverão cumprir com as normas do distanciamento social, assim como a etiqueta respiratória;
  • Agradecemos que compareça porque, dada a lotação reduzida dos espaços, ao não comparecer estará a tirar o lugar a outra pessoa que gostaria de estar igualmente presente.

Agradecemos a compreensão!

CARTAZ

Forum Dança - Cartografias #4 - Para Além dos Textos do Corpo
Forum Dança - João Fiadeiro | PACAP 5

Candidaturas PACAP 5

Não saber juntos

Com curadoria de João Fiadeiro em colaboração com Márcia Lança, Carolina Campos e Daniel Pizamiglio.

Já estão abertas as candidaturas para a próxima edição do PACAP – Programa Avançado de Criação em Artes Performativas.

 

A quinta edição do Programa Avançado de Criação em Artes Performativas conta com curadoria de João Fiadeiro, em colaboração com Márcia Lança, Carolina Campos e Daniel Pizamiglio.

 

Este curso de formação avançada decorrerá de 13 de Setembro de 2021 a 30 de Julho de 2022 e destina-se a bailarinos, coreógrafos, performers e outros artistas com práticas ligadas à performance, ao corpo e ao movimento.

 

Toda a informação aqui.

 

Formulário de candidaturas on-line aqui.

Forum Dança | PACAP 5 - João Fiadeiro
João Fiadeiro © Ana Viotti
Forum Dança - CGPAE - 28.ª Edição Curso de Gestão/Produção das Artes do Espectáculo 2021

Candidaturas CGPAE 28

Estão abertas as candidaturas para a 28.ª Edição do CGPAE – Curso de Gestão/Produção das Artes do Espectáculo, do Forum Dança.

Para candidatar-se à 28.ª edição do CGPAE deve submeter a sua candidatura online.

Candidaturas abertas até dia 10 de Janeiro de 2021.

Mais informações aqui.

Candidatura online aqui.

Forum Dança - Cartografias #3 - 30 Anos Forum Dança 2020

Cartografias #3

Ciclo de Apresentações

30 Anos Forum Dança 2020
16/17 Outubro – 1.º fim de semana
6/7 Novembro – 2.º fim de semana
4/5 Dezembro – 3.º fim de semana – Adiado para o 1.º trimestre de 2021

A programação da terceira edição do Cartografias já está fechada.
Este ano o ciclo de mostras é dedicado à celebração dos 30 anos do Forum Dança.
Serão três fins de semana, em três meses, até ao final do ano, para fecharmos este ciclo comemorativo.

Pensar o Cartografias#3 num ano em que o Forum Dança comemora o seu 30.º aniversário, e em que a humanidade tem convivido sob os efeitos de uma pandemia, força-nos a voltar ao valor fundacional desta associação cultural enquanto Lugar de encontro entre pessoas que fazem renascer a arte em cada dia. Um lugar erigido como construção afectiva pelos seus múltiplos habitantes e visitantes, pleno de modulações e que fomenta relações de descoberta artística, de inclusão, de valorização de um território onde se assiste democraticamente ao desdobramento do acto de criar ou de aprender através de linguagens e filosofias distintas. Passamos a viver com a carga de um lugar sentindo, talvez, o seu genius loci na medida do tempo que se atravessa.
Enquanto reflexo possível de tais modulações o programa de Cartografias#3 pretende ser um pretexto para encontros humanos com a sua produção de presença, ainda assim e apesar das actuais circunstâncias. Esta edição estará repartida em três fins-de-semana a decorrer em Outubro, Novembro e Dezembro. Quatro criadores que intersectam a história do Forum Dança, organizada em torno da formação especializada em dança e na pesquisa coreográfica, estarão representados: a dupla Ana Borralho & João Galante, Sónia Baptista, Vânia Rovisco e Nuno Lucas. Foi-lhes proposto pensar em liberdade o Espaço da Penha como cenário e parceiro de um evento possível tendo-se congregado, no final, propostas entre o happening gastronómico e a instalação com activação corporal e que recorrem à palavra dita, à confecção em directo de uma receita da autoria de um chef francês, ou à partilha com o público de confissões e condições de vida.
Incluímos, ainda, artistas com passagem mais recente pelo Forum Dança: Bruna Carvalho com “Taranta (1.º Andamento)” e Romain Beltrão Teule com “Processo de Dobra”, em criações que gravitam entre o corpo, o som e o sentido; Francisca Pinto com a proposta “Querer para ver” desenvolvida a partir de um jogo infantil; e Gabriela Cordovez e Daniel Paiva de Miranda com “Coisa não nascida” que remete para a exploração do espaço físico como gradiente vital e potencial de onde emerge o toque e o nosso olhar para o mundo.
Entre linguagens e utensílios diversos que se acercam do jogo, do espanto ou de uma sensação de aconchego próxima do maternal, esperamos que estes pensamentos em acção se encontrem com o público, facilitando a fruição, o debate e a partilha.

 

Ezequiel Santos, curador do ciclo de mostras Cartografias #3

Programa

16/17 Outubro – 1.º fim de semana

 

Sexta-feira 6 de Novembro – 2.º fim de semana

Sábado 7 de Novembro – 2.º fim de semana – Todas as sessões esgotadas!

 

4̶/̶5̶ ̶D̶e̶z̶e̶m̶b̶r̶o̶ ̶–̶ ̶3̶.̶º̶ ̶f̶i̶m̶ ̶d̶e̶ ̶s̶e̶m̶a̶n̶a̶
Adiado para o 1.º trimestre de 2021
(novas datas e horários ainda a definir)

  • Ana Borralho e João Galante | As meninas de Louise Michel
  • Sónia Baptista
  • Vânia Rovisco | Sem Título (####)

 

Mais detalhes em breve!

Informações e Reservas

  • Devido à situação actual e seguindo as directivas da DGS, a lotação para estas apresentações é reduzida e limitada a 1/3 da capacidade habitual dos nossos espaços;
  • Pode reservar isoladamente para cada apresentação, ou reservar o programa inteiro em cada dia;
  • Bilheteira: ENTRADA GRATUITA – sujeita à lotação do espaço. Pré-reserva obrigatória;
  • O pedido de reserva é feito para o email forumdanca@forumdanca.pt;
  • Terá de indicar nesse email quais os dias e espectáculos que pretende assistir;
  • Faça a sua reserva até 72 horas antes do início de cada apresentação;
  • A reserva poderá considerar duas pessoas unicamente no caso em que sejam coabitantes;
  • No dia das apresentações deverão trazer a sua própria máscara e/ou viseira;
  • Deverão cumprir com as normas do distanciamento social, assim como a etiqueta respiratória;
  • Agradecemos que compareça porque, dada a lotação reduzida dos espaços, ao não comparecer estará a tirar o lugar a outra pessoa que gostaria de estar igualmente presente.

Agradecemos a compreensão!

Ciclo de mostras Cartografias #3

Sobre o Cartografias

Um projecto que visa construir e apresentar mapas de possibilidade para a dança contemporânea. O movimento será o núcleo, em articulação com outros elementos do espectáculo, e o pretexto para articular um programa que envolve apresentações formais e informais, encontros coreográficos, debates e outras iniciativas paralelas em articulação com os públicos. Está desenhado em função de três dimensões:

  • Visibilidade: Propostas de coreógrafos consagrados e inovadores não apresentados em Portugal.
  • Experimentação: Propostas de coreógrafos com coerência artística e maturidade associada ao ensejo de pesquisar através do movimento.
  • Emergências: Propostas de coreógrafos emergentes que estão em aprendizagem ou em processo.

Cartaz

Forum Dança - Cartografias #3 - 30 Anos Forum Dança 2020
Forum Dança - Residências PACAP4

Mostras Informais

Forum Dança

Programa de residências artísticas do projecto Núcleo Curadoria e Performance
24 e 25 de Setembro – Forum Dança, Espaço da Penha

Programa

24 de Setembro
18:30 » Bianca Zueneli, Heat is life
19:15 » Natália Mendonça, Chorume
20:00 » Maria Abrantes, Como regar plantas falsas

 

25 de Setembro
18:30 » Bianca Zueneli e Maria Abrantes, Ciclo
19:15 » Natália Mendonça, Chorume

Informações e Reservas

  • Devido à situação actual e seguindo as directivas da DGS, a lotação para estas apresentações é reduzida e limitada a 1/3 da capacidade habitual dos nossos espaços;
  • Pode reservar isoladamente para cada apresentação, ou reservar o programa inteiro em cada dia;
  • O pedido de reserva é feito para o email forumdanca@forumdanca.pt;
  • Terá de indicar nesse email quais os dias e espectáculos que pretende assistir;
  • Faça a sua reserva até 24 horas antes do início de cada apresentação;
  • A reserva poderá considerar duas pessoas unicamente no caso em que sejam coabitantes;
  • No dia das apresentações deverão trazer a sua própria máscara e/ou viseira;
  • Deverão cumprir com as normas do distanciamento social, assim como a etiqueta respiratória;

Agradecemos que compareça porque, dada a lotação reduzida dos espaços, ao não comparecer estará a tirar o lugar a outra pessoa que gostaria de estar igualmente presente.

Agradecemos a compreensão!

Mostras Informais 

Residências Artísticas PACAP 4

Forum Dança - Aulas Regulares 2020/21

Inscrições Aulas Regulares 2020/21

Abertas as inscrições para o ano lectivo 2020/21

Já estão abertas as inscrições para a frequência das aulas regulares do Forum Dança para o ano lectivo de 2020/21, a iniciar no próximo mês de Outubro.
Pode fazer a sua pré-inscrição on-line, sem ter de se deslocar às nossas instalações, para tal basta preencher o formulário e fazer o respectivo pagamento.
A sua inscrição será validada assim que recebermos o comprovativo de pagamento, que deverá enviar para o nosso email.
Deverá ler toda a informação que disponibilizámos no nosso site, assim como deve consultar o nosso Regulamento Geral para ficar a par de todas as condições.

Aulas Regulares Crianças & Jovens

As actividades extracurriculares podem (e devem) incluir outras formas do saber-fazer como, por exemplo, o desenvolvimento da expressão corporal, quer seja através da dança ou do teatro, para estimular a criatividade dos mais novos de uma forma alternativa.

No âmbito da formação regular dirigida a grupos de diversas idades e níveis de conhecimento, decorrem no Forum Dança, ao longo do ano lectivo 2020/21, várias actividades de dança criativa, dança contemporânea e teatro destinadas ao público juvenil, orientados por um corpo docente em constante pesquisa artística combinada com estratégias pedagógicas efectivas. A aula experimental para crianças é gratuita.

Consulte o Regulamento Geral e mais informações sobre cada aula, seleccionando uma das imagens abaixo.

 

Horários

 

  • Segunda-Feira
    • 18h30-19h30 | Dança Contemporânea (6/9 Anos), com Mário Afonso
  • Quarta-Feira
    • 17h30-18h15 | Dança Criativa (3/5 Anos), com Maria Radich
  • Quarta-Feira
    • 18h15-19h30 | Teatro (7/12 Anos), com Ana Guerra

Aulas Regulares Adultos e Profissionais

As aulas regulares do Forum Dança no Espaço da Penha tocam as faces diversas da interpretação e movimento partindo de níveis abertos até aos mais avançados ou específicos.

Dança Contemporânea, Laboratório Coreográfico e Pilates para adultos e profissionais, são, em diferentes horários, orientados por um corpo docente em constante pesquisa artística combinada com estratégias pedagógicas efectivas.

Consulte o Regulamento Geral e mais informações sobre cada aula, seleccionando uma das imagens abaixo.

 

Horários

 

  • Terça-Feira
    • 18h30-19h30 | Pilates, com Aistė Adomaitytė
    • 19h30-21h00 | Dança Contemporânea, com Josefa Pereira, Alina Folini e Bárbara Faustino – ESGOTADO!
  • Quarta-Feira
    • 19h30-21h00 | Laboratório Coreográfico, com Maria Ramos
  • Quinta-Feira
    • 19h30-21h00 | Dança Contemporânea | com Josefa Pereira, Alina Folini e Bárbara Faustino – ESGOTADO!
  • Sexta-Feira
    • 13h00-14h00 | Pilates, com Aistė Adomaitytė
Forum Dança - Ciclo de Apresentações PACAP 4

Ciclo de Apresentações PACAP 4

Espaço da Penha e Espaço Alkantara

Curadoria de João dos Santos Martins
20 e 21 / 26 e 27 de Junho – Espaço da Penha
1 e 2 de Julho – Espaço Alkantara

ESGOTADO

Todas as sessões estão esgotadas, não estamos a aceitar mais reservas.

Nada para ensinar, tudo para aprender*

 

Pensar um plano de estudos é sempre um conflito entre o ideal e o possível, entre uma certa imposição de uma forma de ver e estar no mundo, e a criação de condições para originar outros mundos. Fui convidado a pensar um programa de estudos para artistas que se relacionam com a dança e a performance. Este programa não foi tão experimental quanto poderia. Rejeitou-se sobretudo a secular divisão entre disciplinas técnicas para colocar ênfase na troca de práticas entre artistas.
Assolados por um vírus que não julgávamos chegar próximo, experimentámos novos formatos e modelos de partilha, de endereçamento e de atenção, nos quais colocámos ao teste a capacidade e a permanência de fazer arte no momento menos propício ao seu desenvolvimento e, talvez por isso, o mais urgente quanto às questões que levanta ser artista hoje.
O programa de apresentações que agora partilhamos não é necessariamente resultado dos últimos seis meses de trabalho colectivo senão uma mostra de processos heterogéneos iniciados por um grupo de artistas dos continentes europeu e americano que isolada ou conjuntamente se sintonizaram, integraram, participaram, ativaram, divergiram ou rejeitaram este programa de estudos. As suas preocupações rangem questões contemporâneas igualmente díspares de contextos geo-políticos diversos que aqui se assemelham sem nunca se assimilar: entre o típico questionar da eficiência social da arte, a propostas de ressonância entre mundo orgânico e inorgânico, do corpo humano e não humano, do ser e do outro, da medida exacta de veneno a administrar para curar, da vida rural e urbana aos restos da noite e do chorume, do espaço que está entre, ao espaço entre o nudismo e o nadismo.

 

“Ainda há quem diga que tudo perde quando não pode sair; que não têm nada para fazer – como se fazer e não fazer não fossem a mesma coisa.” (*Lourdes de Castro, Cartas à Lourdes: das 4 às 5, ed. Ricardo Nicolau)”

 

João dos Santos Martins

 

Agradecimento especial a todos os convidados que participaram neste programa
Ana Jotta (PT), Ana Pi (BR), Ana Rita Teodoro (PT), Bojana Cvejić (RS), Christine de Smedt (BE), Christophe Wavelet (FR), Chrysa Parkinson (US/SE), Eszter Salamon (HU), Joana Sá (PT), João Fiadeiro (PT), Jürgen Bock (DE), Miguel Wandschneider (PT), Moriah Evans (US), Paula Caspão (PT), Pedro Barateiro (PT), Rita Natálio (PT), Ricardo Valentim (PT), Scarlet Yu (HK), Vera Mantero (PT), Xavier le Roy (FR).

Informações e Reservas
Todas as sessões já se encontram esgotadas!

  • Devido à situação actual e seguindo as directivas da DGS, a lotação para estas apresentações é reduzida e limitada a 1/3 da capacidade habitual dos nossos espaços;
  • Pode reservar isoladamente para cada apresentação, ou reservar o programa inteiro em cada dia;
  • O pedido de reserva é feito para o email forumdanca@forumdanca.pt;
  • Terá de indicar nesse email quais os dias e espectáculos que pretende assistir;
  • Faça a sua reserva até 72 horas antes do início de cada apresentação (24h no caso do primeiro ciclo que acontece já este fim-de-semana);
  • A reserva poderá considerar duas pessoas unicamente no caso em que sejam coabitantes;
  • No dia das apresentações deverão trazer a sua própria máscara e/ou viseira;
  • Deverão cumprir com as normas do distanciamento social, assim como a etiqueta respiratória;
  • Agradecemos que compareça porque, dada a lotação reduzida dos espaços, ao não comparecer estará a tirar o lugar a outra pessoa que gostaria de estar igualmente presente.

Agradecemos a compreensão!

Programação Completa

CICLO #01 | Espaço da Penha | 20 e 21 de Junho

 

18h00Eu só tinha o título, agora não tenho nada, Suiá Burger Ferlauto (BR), 30 min.

18h40Loose loop, Leire Aranberri (ES), 30 min.

19h20Como regar plantas falsas, Maria Abrantes (PT), Ca. 40 min.

19h50Would you hire me?, Aline Combe (FR), 20 min.

20h15Apocalipse entre amigos ou simplesmente o dia, Julián Pacomio (ES), 60 min.

A partir das 18h00 – Masa (vídeo em loop), Laura Ríos (CU), 27 min.

Pode consultar o programa completo deste ciclo, em formato digital, AQUI

 

CICLO #02 | Espaço da Penha | 26 e 27 de Junho

 

19h00Carta a uma quantidade emergente, Marina Dubia (BR), 50 min.

19h50Ruído rosa, Alina Ruiz Folini (AR), 30 min.

20h45Mas onde está a espada?, Isadora Alves (PT), 40 min.

21h30Chorume, Natália Mendonça (BR), 40 min

A partir das 19h00 – Heat is life (vídeo em loop), Bianca Zueneli (IT), 25 min.

Pode consultar o programa completo deste ciclo, em formato digital, AQUI

 

 

CICLO #03 | Espaço Alkantara | 1 e 2 de Julho

 

19h00Aurora, Sara Vieira Marques (PT), 40 min.

19h50Heat is life, Bianca Zueneli (IT), 20 min.

20h20Porte, Laure Fleitz (FR), 20 min.

21h00Verde abismo ou eu nunca mais sonhei com isso, Isis Andreatta (BR), 35 min.

A partir das 19h00How do we continue together (vídeo em loop), Emily Barasch (US), 30 min.

*Vulture Realness Invocation or I just can’t be like this with you anymore, (vídeo), randy reyes (US/GT), 7 min.

*a definir

Pode consultar o programa completo deste ciclo, em formato digital, AQUI

Apresentações PACAP 4

Sobre o PACAP

O PACAP – Programa Avançado de Criação em Artes Performativas é um programa de formação/criação para profissionais e estudantes de áreas artísticas que pretendem investir num período de experimentação avançada conciliando-o com uma investigação teórica e o exercício de práticas de corpo e movimento.

Sobre o PACAP 4

De Janeiro a Julho de 2020
Programa Avançado de Criação em Artes Performativas
Curadoria de João dos Santos Martins
Apoio Financeiro: Fundação Calouste Gulbenkian
Apoios: O Rumo Do Fumo, Alkantara, O Espaço Do Tempo e Estúdios Victor Córdon
Parceria: Maumaus

Direcção: Dora Carvalho
Produção: Carolina Martins
Acompanhamento e Direcção Técnica: Zeca Iglésias
Assistente de Produção: Catarina Sobral
Comunicação e Imagem: Eduardo Quinhones Hall

Cartaz

Forum Dança - Cartaz Ciclo de Apresentações PACAP 4
Forum Dança - Cartaz Ciclo de Apresentações PACAP 4

Apoios e Parcerias

Apoio Financeiro: Fundação Calouste Gulbenkian | Apoios: O Rumo do Fumo | ALKANTARA | O Espaço do Tempo | Estúdios Victor Córdon

Forum Dança - Apoios PACAP 4
Forum Dança - Conversa 2: Estratégias de Programação [CGPAE]

Conversa 2: Novos formatos de relação com os públicos em tempos de pandemia Covid-19

Debates CGPAE

Conversas Online Via Aplicação Zoom
15 Junho 2020 | 18h30
!!! DATA ALTERADA DEVIDO À MANIFESTAÇÃO DO CENA-STE NO DIA 4 DE JUNHO ENTRE AS 18H00 E AS 20H00 !!!
Moderação de Elisabete Paiva (Materiais Diversos)
Com Cristina Planas Leitão (coreógrafa)
e Jesse James & Sofia Carolina Botelho (Festival Walk & Talk) – a confirmar

Este debate acontece no âmbito da disciplina de Estratégias de Programação do CGPAE – Curso de Gestão/Produção das Artes do Espectáculo do Forum Dança.

 

Instruções para aceder ao debate e poder participar:

  1. Enviar um email para forumdanca@forumdanca.pt demonstrando interesse em participar nesta conversa.
  2. Recebe depois no seu email as instruções para aceder ao debate on-line (endereço e código de acesso à sessão, via aplicação Zoom).
  3. Número máximo de participantes: 40.

Sobre o CGPAE – Curso de Gestão/Produção das Artes do Espectáculo

Apresentação
O Curso de Gestão/Produção das Artes do Espectáculo conta com mais de vinte e seis edições, sendo responsável pela formação e integração de muitos profissionais na área das artes do espectáculo em Portugal que escolheram formar-se no Forum Dança. Com um currículo pedagógico que cobre os parâmetros práticos e teóricos da profissionalização das artes, conta com um corpo docente em contacto e no activo de funções na área das artes, o que lhe confere uma constante actualização com a realidade e estruturas culturais vigentes.

 

Objectivos Gerais
Profissionalizar agentes culturais através da aquisição das seguintes competências: Planear e delinear estratégias de gestão, produção, programação e financiamento no âmbito das Artes do Espectáculo. Integração e profissionalização dos formandos ao longo do curso, sendo a estrutura do mesmo pedagogicamente orientada para este foco central: a aplicação do conhecimento no mundo material das artes performativas.
O Espaço da Penha dá base ao curso, sendo o lugar fixo de aulas, as saídas e visitas de estudo durante os módulos teóricos e práticos são uma constante, alinhada com os objectivos do curso.

 

Destinatários
Agentes culturais que pretendam desenvolver o seu trabalho/projecto na área de Gestão/Produção das Artes do Espectáculo.
Público em geral com o objectivo de profissionalização.

Biografias

CRISTINA PLANAS LEITÃO
Porto, 1983. Licenciada em Dance Performance pela ArtEZ – Hogeschool voor de Kunsten em Arnhem (Holanda), em 2006. De 2007 a 2012, colabora com a coreógrafa Gabriella Maiorino da Dansmakers Amsterdam. Desde então foi intérprete de Isabelle Schad (Alemanha), Flávio Rodrigues no Ballet Contemporâneo do Norte (BNC), Vloeistof (Holanda), Catarina Miranda e Marco da Silva Ferreira.
Como ensaiadora, trabalhou com Hofesh Shechter (2012-2014) e Gregory Maqoma (2015) para a Companhia Instável. Em 2015, é uma das artistas convidadas para The Porto Sessions – um projeto desenvolvido por Meg Stuart / Damaged Goods e Mezzanine.
No Porto, foi uma das iniciadoras dos Encontros desNORTE (2011-2017) e criou o projeto Conquering the studio: a time for research, para o BCN e Companhia Instável. Desde 2016, coordena o Aquecimento Paralelo para o Teatro Municipal do Porto e em 2017 integra a equipa de mediação
de públicos no contexto do Festival DDD. Em 2010, é uma das 50 artistas escolhidas por David Zambrano para os 50 Days of Flying Low and Passing Through in Costa Rica, fazendo parte do único grupo certificado para ensinar e desenvolver essas técnicas. Desde então, tem lecionado internacionalmente – uma atividade pedagógica que mantém em paralelo com a coreográfica. Em 2012, em cocriação com Jasmina Krizaj criam The Very Delicious Piece – uma peça produzida no contexto da rede europeia Modul Dance. Seguidamente cocriam The Very Boring Piece em coprodução com o Hellerau, Dresden. Em 2014, desenvolvendo a sua própria autoria, estreia o solo bear me e em 2016 cria a peça FM [ featuring mortuum]. No mesmo ano, com uma versão XL da The Very Delicious Piece, é finalista, junta- mente com Jasmina Krizaj e um elenco de oito intérpretes, no Danse Élargie 2016 – Théâtre de la Ville (Paris). O seu trabalho tem sido apresentado interna- cionalmente em locais como: Hellerau – Europäisches Zentrum der Künsten (Dresden), The Place (Londres), Théâtre de la Ville, Triskelion Arts (Nova Iorque), I like to watch Too no Julidans Festival (Amesterdão), Malta Festival (Polónia), Plesni Teater e Stara Mestna Elektrarna (Ljubljana), Maribor 2012 Capital Europeia da Cultura (Eslovénia), No_Body Festival (Chipre), Teatro Municipal do Porto, GUIdance Festival (Guimarães), BoxNova / CCB, Festival Cumplicidades, Centro de Arte de Ovar, Cine-Teatro Louletanto e Teatro Municipal de Faro.
É diretora artística da Bactéria Associação Cultural desde 2015. O seu corpo de trabalho está documentado na série Portugal que Dança (2017), criada para a RTP2.

 

JESSE JAMES
Vancouver, 1987, vive e trabalha entre Lisboa e Ponta Delgada como programador cultural e curador independente, combinando projetos curatoriais, assessoria de comunicação e gestão estratégica para projetos e estruturas culturais. É cofundador e diretor executivo da Anda&Fala – Associação Cultural, estrutura de criação contemporânea e multidisciplinar. Assume, desde 2011, a direção artística do Walk&Talk – Festival de Artes, nos Açores. É licenciado em Turismo e Lazer pela ESTH/IPG e frequentou a pós-graduação em Curadoria de Arte na FCSH, da Universidade Nova em Lisboa.

 

SOFIA CAROLINA BOTELHO
S.Miguel, 1986, fez licenciatura em Escultura e Mestrado em Museologia e Museografia na FBAUL. Trabalha em S.Miguel, na área da Gestão e Programação Cultural e desenvolve projetos pessoais na área da Preservação do Património, Memória e Arte.
Assume, desde 2013, a direção artística e a coordenação do Programa de Conhecimento do Walk&Talk – Festival de Artes, nos Açores.
Desde 2016 é coordenadora do Serviço Educativo do Museu Carlos Machado, em Ponta Delgada.

 

ELISABETE PAIVA
Licenciada em Produção Teatral e Mestre em Estudos de Teatro. Trabalhou como produtora com Luís Castro, Teatro do Vestido e Pedro Sena Nunes. Foi responsável pelo Serviço Educativo do Centro Cultural Vila Flor (2006 a 2014), na sequência de experiências marcantes de cruzamento entre criação, educação e território no CENTA – Centro de Estudos de Novas Tendências Artísticas (2003–2005). Concebeu e programou o Serviço Educativo de Guimarães 2012 CEC e actualmente é Directora Artística do Festival Materiais Diversos.

Forum Dança - Conversa 1: Estratégias de Programação [CGPAE]

Conversa 1: Princípios e práticas no cancelamento e reagendamento de atividades

Debates CGPAE

Conversas Online Via Aplicação Zoom
28 Maio 2020 | 18h30
Moderação de Elisabete Paiva (Materiais Diversos)
Com Luís Ferreira (23 Milhas)
Tânia Guerreiro (PI – Produções Independentes)

Este debate acontece no âmbito da disciplina de Estratégias de Programação do CGPAE – Curso de Gestão/Produção das Artes do Espectáculo do Forum Dança.

 

Instruções para aceder ao debate e poder participar:

  1. Enviar um email para forumdanca@forumdanca.pt demonstrando interesse em participar nesta conversa.
  2. Recebe depois no seu email as instruções para aceder ao debate on-line (endereço e código de acesso à sessão, via aplicação Zoom).
  3. Número máximo de participantes: 40.

Sobre o CGPAE – Curso de Gestão/Produção das Artes do Espectáculo

Apresentação
O Curso de Gestão/Produção das Artes do Espectáculo conta com mais de vinte e seis edições, sendo responsável pela formação e integração de muitos profissionais na área das artes do espectáculo em Portugal que escolheram formar-se no Forum Dança. Com um currículo pedagógico que cobre os parâmetros práticos e teóricos da profissionalização das artes, conta com um corpo docente em contacto e no activo de funções na área das artes, o que lhe confere uma constante actualização com a realidade e estruturas culturais vigentes.

 

Objectivos Gerais
Profissionalizar agentes culturais através da aquisição das seguintes competências: Planear e delinear estratégias de gestão, produção, programação e financiamento no âmbito das Artes do Espectáculo. Integração e profissionalização dos formandos ao longo do curso, sendo a estrutura do mesmo pedagogicamente orientada para este foco central: a aplicação do conhecimento no mundo material das artes performativas.
O Espaço da Penha dá base ao curso, sendo o lugar fixo de aulas, as saídas e visitas de estudo durante os módulos teóricos e práticos são uma constante, alinhada com os objectivos do curso.

 

Destinatários
Agentes culturais que pretendam desenvolver o seu trabalho/projecto na área de Gestão/Produção das Artes do Espectáculo.
Público em geral com o objectivo de profissionalização.

Biografias

LUÍS SOUSA FERREIRA
Director do 23 Milhas, projecto que agrega os quatro espaços culturais do Município de Ílhavo e restantes eventos culturais. Fundador e director artístico do BONS SONS, festival comunitário de música portuguesa, entre 2006 e 2019. Foi comissário cultural na Comunidade Interurbana do Médio Tejo, com destaque para o projecto intermunicipal “Caminhos” (2017-2019). Assumiu a coordenação de produção e desenvolvimento da experimentadesign (2013-2015) e colaborou com esta entidade tanto na área de produção e desenvolvimento da Bienal EXD, como na programação regular do Palácio Quintela e do Convento da Trindade (2009-2013). Foi produtor cultural no Centro de Estudos de Novas Tendências Artísticas (CENTA – 2006-2008), tendo sido ainda responsável pela coordenação e produção do projecto “Experimenta o Campo 06/09”. Em 2018, foi membro do Grupo de Trabalho de Aperfeiçoamento do Modelo de Apoio às Artes. Desde 2019, é Membro do Conselho Consultivo Portugal Expo 2020 Dubai. É ainda cronista na Revista Gerador.

 

TÂNIA GUERREIRO
Licenciada em Cenografia pela Escola Superior de Teatro e Cinema (2007), tendo terminado o curso em Barcelona no Institut del Teatre. Completou a sua formação com o curso de Gestão e Produção das Artes do Espetáculo do Forum Dança (1999). Trabalhou em várias áreas da produção de espectáculos, cinema, artes plásticas, festivais – como o Festival Atlântico, Festival Temps d’Images e Alkantara – e em estruturas como a Casa d’os Dias da Água, ZDB, Transforma, Jangada de Pedra, onde desempenhou funções de produção, gestão, angariação de financiamentos e comunicação. De Janeiro de 2009 a Outubro de 2010, desempenhou funções de coordenação executiva na Rede – Associação de Estruturas para a Dança Contemporânea. Em Agosto de 2009, juntamente com outros profissionais da produção, cria uma plataforma de trabalho para produtores independentes – Produções Independentes – onde desenvolve colaborações com artistas independentes e estruturas de criação e programação. Entre 2012 e 2013 estabeleceu uma colaboração com a Transforma, em Torres Vedras, como programadora das atividades e apoiou o desenvolvimento de projetos europeus. Desde 2014, dedica-se à direção das Produções Independentes dando continuação ao trabalho com o criador Rui Catalão (que iniciou em 2010) a par do acompanhamento ao trabalho de outros artistas e projectos mais pontuais. Entre 2016 e 2017 foi presidente da Direção da Rede. Em 2017 criou a associação Orgia – Organização, Investigação e Artes – para dar apoio a artistas emergentes e organizar programas de criação. Nesse mesmo ano ganhou o prémio Natércia Campos de Melhor Produtor Cultural. Em 2018 foi júri das Curtas de Dança para o festival DDD e iniciou a sua colaboração com o FIAR/CAR no apoio à programação e à gestão.

 

ELISABETE PAIVA
Licenciada em Produção Teatral e Mestre em Estudos de Teatro. Trabalhou como produtora com Luís Castro, Teatro do Vestido e Pedro Sena Nunes. Foi responsável pelo Serviço Educativo do Centro Cultural Vila Flor (2006 a 2014), na sequência de experiências marcantes de cruzamento entre criação, educação e território no CENTA – Centro de Estudos de Novas Tendências Artísticas (2003–2005). Concebeu e programou o Serviço Educativo de Guimarães 2012 CEC e actualmente é Directora Artística do Festival Materiais Diversos.

Forum Dança - Dia Mundial da Dança 2020

Dia Mundial da Dança 2020

Mensagem para o Dia Mundial da Dança 2020
por Gregory Vuyani MAQOMA, África do Sul
[Bailarino, actor, coreógrafo e professor de dança]

“Foi durante uma entrevista que tive recentemente que tive que pensar profundamente sobre dança, o que é que isso significa para mim?
Na minha resposta, eu tive que olhar para o meu percurso e percebi que era tudo uma questão de propósito, e cada dia apresenta um novo desafio que precisa ser enfrentado, e é através da dança que tento entender o mundo.
Vivemos tempos de tragédias inimagináveis, numa época que eu poderia descrever melhor como uma era pós-humana. Mais do que nunca, precisamos dançar com um propósito, para lembrar ao mundo que a humanidade ainda existe.
Propósito e empatia precisam prevalecer ao longo de anos e anos de inegável cenário virtual de dissolução que deu origem a uma catarse de luto universal que vence a tristeza, a dura realidade que continua a permear os vivos confrontados pela morte, rejeição e pobreza.
A dança deve, mais do que nunca, dar um forte sinal aos líderes mundiais – e a todos os que garantem a melhoria das condições da vida humana – de que somos um exército de pensadores furiosos, e de que o nosso objetivo é aquele que se esforça para mudar o mundo, um passo de cada vez.
A dança é liberdade e, através da nossa liberdade encontrada, devemos libertar os outros das armadilhas que enfrentam em diferentes cantos do mundo.
A dança não é política, mas torna-se política porque carrega na sua fibra uma conexão humana e, portanto, responde às circunstâncias na tentativa de restaurar a dignidade humana.
Enquanto dançamos com nossos corpos, cambaleando no espaço e entrelaçados, tornamo-nos uma força de movimento que tece corações, que toca almas e fornece a cura que é tão desesperadamente necessária.
E o propósito torna-se uma única dança invencível e indivisível, com cabeça de hidra.
Tudo o que precisamos agora é dançar um pouco mais !!!!”
Gregory Vuyani

 

Loading new posts...
No more posts